Significado das cores das roupas no réveillon

Significado das cores das roupas no réveillon
O réveillon sempre é cercado de rituais. Para obterem sorte no ano que começa, muitas pessoas apostam em algumas simpatias, como pular sete ondinhas, jogar flores para Iemanjá, comer sete uvas verdes, colocar dinheiro dentro do sapato etc.

Outras acreditam que sua sorte pode estar na escolha do figurino. Na noite da virada, é comum o uso de roupas claras e de metais (jóias ou bijuterias). Para os especialistas no assunto, esses acessórios trazem boas energias e atraem as coisas que mais almejamos: paz, saúde e dinheiro.

Agora, caso queira dar uma inovada, saiba que você não precisa seguir esta tradição a risca. Se preferir, você pode mesclar as cores claras com tons mais chamativos, como vermelho, laranja, amarelo. Eles também carregam alguns significados e podem te ajudar a começar o ano com o pé direito.

É importante lembrar que a cor não é o único detalhe a ser analisado na passagem de ano. A montagem do look tem que ser feita de acordo com o ambiente onde você pretende festejar. Se a comemoração vai acontecer na praia, por exemplo, use vestidos, saias, tops, shorts, enfim, peças mais confortáveis.

A mesma dica vale para as baladas, onde você pode realçar o seu visual com aplicações de metais, pedrarias e acessórios com bastante brilho. Para ficar por dentro deste assunto, separamos uma lista de cores com seus respectivos significados. Veja o que cada uma tem a oferecer a faça a escolha certa.

Preto – sinônimo de neutralidade, silencio. Entretanto, não é muito indicado para o réveillon, pois carrega uma atmosfera mais pesada.

Amarelo – cor é ideal para quem está em busca de dinheiro e riquezas. Pode ser substituído pelo dourado, que possui mais brilho.

Rosa – mulheres interessadas em um novo amor podem apostar nesta tonalidade. Ela trás delicadeza, suavidade e forma uma combinação perfeita com alguns acessórios.

Marrom – assim como o preto, não é uma boa sugestão para a noite da virada. Esta cor indica solidez e insegurança em várias áreas da vida.

Publicado por Fabio
Revisado em 25/11/2010

Compartilhar

Comentar com Facebook

Receba novidades

Comentar