Erros mais comuns cometidos em entrevistas de emprego

Não precisa ter medo de uma entrevista de emprego. Conheça os erros mais comuns e saiba como evita-los para se dar bem.

Em tempos de crise, e mesmo fora dele, sempre há pessoas procurando emprego. Seja para aumentar a renda atual, trocar de emprego que te estressa ou mesmo para conseguir o primeiro emprego.

Entrevista de emprego

Mas sem dúvida a primeira entrevista será sempre a mais difícil. Isso porque nunca se teve um emprego e não se sabe exatamente o que o examinador espera. A tensão e a insegurança tomam conta do espaço e as coisas não fluem como imaginamos. A gagueira sempre aparece nesse momento, acompanhada da voz rouca de quem não está inseguro sobre o que está falando.

Perguntas clichês respondidas por respostas também clichês são muito comuns. Afinal, todos nós temos por mais defeito o perfeccionismo e maior qualidade a honestidade, não é? NÃO, não é! Acompanhe nosso blog e saia na frente durante a entrevista.

Demonstrar insegurança

Estar inseguro em uma entrevista de emprego é comum. Todos nós teremos a impressão de que há alguém melhor do que nós concorrendo para a vaga e que não somos adequados para o cargo. O ponto chave é não demonstrar essa insegurança.

Homens de negócios apertando as mãos

Tente falar firme e demonstrar certeza nas coisas que está falando, principalmente quando falar da sua habilidade e capacidade para estar no cargo. Mostre-se melhor do que os outros, e assim "você será melhor do que os outros.”.

Cometer erros de português e/ou falar gírias

Cometer erros de português não é bom em entrevista de emprego nem em lugar nenhum. O português está ai e está para ser falado corretamente. Claro que em uma entrevista de emprego isso será ainda pior, pois demonstrará falta de conhecimento e desleixo para as coisas comuns do dia a dia.

Entrevista de emprego 2

Gírias? Nem pensar. Deixe-as para falar com seus amigos, mas tente evitar ainda assim. Como já dito, a língua portuguesa está ai para ser falada e escrita corretamente.

Falar mal da empresa em que trabalhou

Falar mal da empresa em que trabalhou não passa confiança ou credibilidade, pois o entrevistador ficará sempre com o pensamento de que, após se desligar da empresa (caso nela ingresse), sairá falando mal dela também.

Entrevista de emprego 4

Caso tenha passado algum percalço ou momento constrangedor na empresa anterior (ou atual) que o fez sair, não há a necessidade de contá-lo a todo mundo, muito menos ao entrevistador de um futuro provável emprego.

Não ser pontual

Pontualidade é o que há! Nem antes, nem depois. Na hora! Procure chegar entre cinco a dez minutos antes, para mostrar que você está preocupado em não perder a hora, mas não está desesperado pelo emprego, demonstrando sua ansiedade.

Relógio

Portanto, se a entrevista estiver marcada para as dez, chegue dez minutos antes das dez!

Não estar trajado adequadamente

Assim como o horário, nem muito nem pouco! Use roupas adequadas. Não vá de short ou bermuda, muito menos de camiseta e claro, nada de vestidos, roupas curtas ou decotadas demais!

Entrevista de emprego 7

Procure usar calça jeans e camisa social, ou vá completamente de social. Claro que se a entrevista for para algum cargo executivo, o terno e a gravata serão essenciais!

Manter o celular ligado

Mantenha o celular desligado! Não passe o constrangimento de deixar o celular atrapalhar a sua entrevista.

Mexendo no celular

Até mesmo porque isso demonstrará que, se na entrevista o celular lhe atrapalhou, imagina no decorrer do trabalho? Então, celular desligado!

Falar demais

Não fale demais, mas também não fale de menos. Responda as perguntas de maneira clara, mas não dê muitas justificativas.

Desespero

Caso o entrevistador precise de mais informações, ele perguntará. Fique tranquilo!

Publicado por Paulo Sérgio
Revisado em 03/11/2015

Compartilhar

Comentar com Facebook

Receba novidades

Comentar