Tema de abertura da novela Insensato Coração

Tema de abertura da novela Insensato Coração
Na próxima segunda feira (17/01), estréia a nova novela das oito da Globo. Escrita por Gilberto Braga e Ricardo Linhares, Insensato Coração reúne os ingredientes necessários para fazer de sua história um verdadeiro sucesso na telinha.

No último fim de semana, toda a equipe do folhetim festejou o seu lançamento no hotel Copacabana Palace. Entre os presentes, estavam Paola Oliveira e Eriberto Leão, que serão os seus protagonistas.

A novela conta com um elenco de ótima qualidade, formado por Antonio Fagundes, Ana Lúcia Torre, Gabriel Braga Nunes, Bete Mendes, Camila Pitanga, Glória Pires, Cristina Galvão, Carla Lamarca, Natália do Valle, Ana Beatriz Nogueira, e muitos outros nomes consagrados da nossa dramaturgia.

Na história, Pedro Brandão (Eriberto Leão) está prestes a se casar com Luciana (Fernanda Machado), sua namorada, quando conhece Marina (Paola Oliveira) durante um vôo. Ambos passam a sentir uma paixão irresistível pelo outro, mas o que ele não sabe é que a jovem disigner é madrinha do seu casamento.

Certamente, Insensato Coração reserva grandes emoções ao público de casa. Além disso, a novela terá uma belíssima trilha sonora, composta por grandes sucessos da nossa música. Seu tema de abertura será Coração em Desalinho e cantado por Maria Rita. A canção, composta por Mauro Diniz e Ratinho, ficou nacionalmente conhecida na voz de Zeca Pagodinho. Abaixo, você pode conferir sua letra.

• Tema de abertura de Insensato Coração
Numa estrada dessa vida
Eu te conheci, Oh Flor!
Vinhas tão desiludida
Mal sucedida
Por um falso amor

Dei afeto e carinho
Como retribuição
Procuraste um outro ninho
Em desalinho
Ficou o meu coração
Meu peito agora é só paixão
Meu peito agora é só paixão

Tamanha desilusão
Me deste, Oh Flor!
Me enganei redondamente
Pensando em te fazer o bem
Eu me apaixonei
Foi meu mal

Agora!
Uma enorme paixão me devora
Alegria partiu, foi embora
Não sei viver sem teu amor
Sozinho curto a minha dor

Dei afeto!
Dei afeto e carinho
Como retribuição
Procuraste um outro ninho
Em desalinho
Ficou o meu coração
Meu peito agora é só paixão
Meu peito agora é só paixã

12/01/11 por Fabio

   



Mais informações por email

Comentar