Financiar um veículo novo ou usado

Como financiar um veículo novo ou usado

Comprar carro hoje está fácil, graças á quantidade de crédito ao consumidor disponível no mercado. O financiamento de carro é um tipo de financiamento mais procurado.

O financiamento é a maneira mais comum de realizar o sonho de ter um veículo, seja ele novo, ou usado. Mas é preciso estar atento ás taxas de juros, tanto para os carros novos, como para os usados.

Mais sobre financiar um veículo novo ou usado

De acordo com uma pesquisa, mais de 50% dos carros novos fabricados, são vendidos nas concessionárias através do financiamento de veículo. Porém sabemos que o carro novo tem o preço mais elevado.

E é neste momento que nos deparamos com a dúvida, financiar um carro novo ou usado? Então vamos acabar com essa dúvida.

Primeiramente é preciso ver o ano do carro usado, e assim conferir o preço de tabela, ver se a condição do motor do veículo está conservado, conferir a situação da documentação, e verificar no chassi do carro se ele não foi batido, pois isso faz com o preço do veículo caia.

Essas são as preocupações que você não terá com um carro novo, um carro novo demora para ter problemas com o motor, você pode escolher os itens que você deseja que ele tenha, e a documentação sai toda no seu nome.

Outra coisa que deve pensar é que quanto mais parcelas você fizer mais caro o seu carro irá ficar, por isso quanto antes você conseguir pagar é melhor.

Ao comprar um veículo procure dar uma boa parte como entrada, pois é valido você saber que com o financiamento, no final das contas você acaba comprando dois carros, podendo ser ele novo ou usado.

O novo é melhor, pois você tem a garantia que não irá gastar com ele por algum tempo, pois tudo nele é novo e assim demora para dar problema. Pois já que você irá enfrentar uma dívida longa é melhor que você compre algo de qualidade, para não dar dor de cabeça.

Algumas concessionárias já disponibilizam o banco com que elas trabalham para financiar os veículos, mas procure você um banco que tenha menores taxas possíveis, para isso será preciso disponibilizar um tempo para a pesquisa.

14/02/11 por Fabio

   



Mais informações por email

Comentar