Dicas para comprar a casa própria

Mulher segurando uma casa de brinquedo

Nos últimos anos, milhares de brasileiros realizaram o sonho da casa própria. A facilidade de crédito e os novos programas lançados pelo governo federal, como o Minha Casa Minha Vida, têm contribuído significativamente para que isso aconteça.

Apesar dessas e outras facilidades, a aquisição de um imóvel exige várias medidas de precaução. É importante avaliar as principais alternativas oferecidas pelo mercado antes de fechar um negócio. Estudando as diferentes formas de compra, você vai poder escolher aquela que melhor se encaixa no seu orçamento.

Também existem outras dicas importantes para quem pretende comprar a casa própria. Abaixo, estão as orientações que separamos sobre o assunto. Confira!

Casal observando a casa  onde pretende morarDicas para comprar um imóvel

1 – A compra de um imóvel exige uma situação financeira estável. Por isso, tente economizar uma boa grana para não se envolver no negócio com a corda no pescoço. Corte os gastos desnecessários e veja o que é possível fazer para juntar o dinheiro.

2 – Se optar pelo financiamento, não escolha um plano que comprometa toda a sua renda. De acordo com os especialistas, as parcelas não devem consumir mais do que ¼ do seu orçamento.

3 – Em alguns casos, é possível usar o FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) para abater até 80% do valor das prestações. Procure uma agencia da Caixa Econômica Federal e veja quais medidas podem ser tomadas.

4 – O pagamento das parcelas deve ser sua prioridade. Por isso, quando entrar um dinheiro extra, como o décimo terceiro, destine parte dessa grana para amortizar a dívida.

Outros cuidados na hora da compra

A compra de um imóvel exige atenção a outros detalhes importantes, como impostos, mudança de endereço, condomínio etc. Coloque todos esses gastos no papel e veja quanto você terá que desembolsar para pagá-los antes de mudar definitivamente.

Outrossim, também é necessário avaliar se o imóvel está localizado num bairro agradável, com escolas, hospitais, estabelecimento comerciais etc. Todos esses fatores devem ser analisados com cuidado, para que sua escolha não gere nenhum arrependimento no futuro.

 

12/01/12 por Fabio

   



Mais informações por email

Comentar