Como manter suas unhas sempre bonitas


Todo mundo vive se preocupando com cabelo, pele, roupas e muitas vezes acabam deixando alguns detalhes de lado, como é muito comum de acontecer com as unhas, pois é muito importante ter cuidado com as unhas e pouca gente sabe disso.

As unhas tem como principal função proteger os dedos, pois a parte superior dos dedos normalmente entram em contato com variados tipos de superfície que com qualquer batidinha poderia causar danos a nossa mão.
No mundo da moda as unhas são fundamentais para se exibir luxo e sofisticação, pois elas podem ser pintadas e adornadas com bastante variedade e acima de tudo bom gosto, pois existem esmaltes e aplique de todas as cores que você imaginar.

O principal componente das unhas é a queratina, material base de nossos cabelos, por isso quando estamos com algum tipo de deficiência nessa proteína perceberá facilmente ao notar quando o cabelo está quebradiço e as unhas estão fraca.
Para cuidar das unhas é necessário cortá-las adequadamente, o crescimento das unhas varia de pessoa para pessoa, por isso não tem como se estipular o período certo para estar se cortando, mas é bom deixá-las num comprimento bom para que não se quebrem com facilidade, um bom comprimento para unhas masculinas é até a ponta dos dedos, assim protegerá o dedo suficientemente sem ficar com aparência feminina.

Já para as mulheres podem ser um pouco maior, pois assim ficará mais fácil de decorá-las com esmaltes e apliques. Comer unhas é um hábito que deve ser evitado ao Maximo, pois pode deixar as unhas quebradiças além de poder gerar grandes desconfortos gástricos, por questão da queratina não ser digerida pelo organismo.
Para cortar as unhas é de extrema importância que não cortemos os cantos, pois se eles forem cortados de maneira errada, poderá ocorrer o encravamento da unha, causando fortes dores, principalmente nas unhas do pé, para garantir a saúde das unhas é importante que você tenha um conjunto pessoal de alicates e lixas, pois a contaminação por terceiros é muito fácil, em caso de duvidas procure uma dermatologista.

06/06/11 por Fabio

   



Mais informações por email

Comentar